Cúria Geral

Criada a Província Santa Maria dos Anjos em Angola na África

30/08/2016 - 17h57
  • A+
  • A-
A criação da nova provincia, foi feita pelo Miniostro Geral da Ordem diante do Episcopado africano e comunidades atendidas pelos fradess
Fonte: Divulgação

 O Ministro Geral da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, Frei Mauro Jöhri, proclamou no último domingo 28 de agosto a Província Capuchinha de Angola. A comunicação   aconteceu na Paróquia Nossa Senhora de Fátima na cidade africana de Luanda.

 A proclamação da nova Província foi feita na presença de Dom Filomeno de Nascimento Vieira Dia, Arcebispo Metropolitano de Luanda e Presidente da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé -CEAST; de Dom Francisco Tchimoio, arcebispo de Maputo (Moçambique); de bispos da conferencia; na presença do Vice-Presidente da República de Angola, Manuel Vicente, e de autoridades  políticas, militares, tradicionais, religiosas e comunidade de  fiéis de Luanda

As celebrações da fundação da nova Provincia, iniciaram em 2 de agosto último, festa de Santa Maria dos Anjos da Porciúncula, quando foi aberta as festividades da proclamação da Província dos Capuchinhos em Angola. Segundo o bispo Carlos Kiazico, capuchinho, “várias exigências pesaram da qualificação, para tornar a comunidade numa província em Angola. Além do número também a sustentabilidade vocacional “temos o nosso próprio seminário isso é um sinal”, disse.

 

O ministro Geral da Ordem, frei Mauro, disse que que “Os Capuchinhos em Angola fizeram um longo caminho, passaram por momentos de alegrias, mas também trágicas. Conheceram períodos de paz, e de guerras, períodos de crise e de prosperidade. Foi uma história em crescimento até chegar aos nossos dias” explica o Ministro Geral.

 O primeiro governo provincial, em conformidade com as Constituições.

Ministro Provincial: Frei Afonso André Teka.

Vigário Provincial, Frei Pedro Binji;

Segundo Conselheiro, Pietro Tuzatto;

 Terceiro Conselheiro, Frei Inácio Catulu Cassoma;

  Quarto conselheiro, Frei Afonso Fernando.

O 1º Capítulo Provincial será convocado em maio, para tratar da vida  fraterna e  organização civil na nova província.

 

Historia

A nova Província capuchinha é uma filha das províncias de Veneza e de Portugal. A presença em Angola data de 1645 a 1835. Em Luanda os capuchinhos têm presença tradicional na paróquia de Fátima, onde tem o Seminário.

A ideia de abrir uma Missão em Angola foi tomada pelos Capuchinhos Portugueses em 1954, dois missionários: o brasileiro Frei Cirilo Vargas e o português Frei Lourenço Torres Lima, partem de Lisboa e fixaram-se na missão de Nambuangongo, a 180 Kms de Luanda.  Os dois Capuchinhos embarcaram em 22 de agosto de 1954 e chegam a Luanda em 6 de setembro.

Fonte Capuchinhos do Brasil /CCB
Por Frei João Carlos Romanini (Conferência CCB)